Páginas

29 de jul de 2013

Diário de Auto-Estima - Dia 01

Hoje eu percebi que preciso dizer a mim mesma que é possível ser melhor, sim!
Eu sei que tenho enfrentado muitos combates internos, mas também que sou vitoriosa por não desistir!

Já comecei mil coisas, e muitas não deram certo, mas não tenho vergonha de dizer que pelo menos eu tentei!

Esse papo de auto-estima eu vi em alguns blogs e tals, tem um livro da Gisela Rao (Não Comi, Não Rezei mas me Amei) e o blog dela na Blogsfera Uol. Muito legal e incentivador!

Hoje eu acordei com vontade de falar sobre humildade e reconhecimento dos próprios erros. Reconhecer que errou ou exagerou no julgamento nos deixa em paz consigo mesmo. Não impor a própria opinião, pois não é a única e nem é a verdade absoluta. A minha opinião é a apenas o meu lado da história, a minha verdade, mas não é necessariamente a do outro. E é preciso respeitar o que o outro pensa, o que o outro gosta.
A gente nem sempre percebe isso, e acha que está realmente respeitando o outro, mas hoje percebi que nem sempre eu faço isso. Quero que o mundo saiba o que penso!!! kkkkk principalmente no abençoado do Facebook. E conversando com meu marido percebi que é melhor não dar opinião do que magoar alguém por querer "mostrar" o que penso a ferro e fogo.

Assim como foi a visita do Papa Francisco ao Brasil, que mostrou uma humildade e uma sabedoria muito grande, respeitando e dialogando com todos. Respeitando as diferenças. Quantos depoimentos de pessoas que não são católicas sobre a passagem do Papa e de quanto gostaram de sua humildade e sabedoria. Há esperança para o mundo de dias melhores, com mais respeito e tolerância.

E para mim fica essa lição: ser humilde e reconhecer que não fez algo legal não é humilhação. É fazer bem a si mesmo e aos outros que queremos bem! É preciso ser tolerante com o que não nos agrada. É preciso tolerar!

 Amém!

Nenhum comentário: